Logo


Escola de Gestão e Cultura

INSPIRE | GESTÃO CULTURAL

Sediada em Belo Horizonte (MG), a empresa atua nas áreas cultural, educacional e social. Presta consultoria no desenvolvimento de planejamento e de gestão para instituições e iniciativas culturais, assim como na formatação de programas de formação e qualificação profissional. A empresa tem a direção de Maria Helena Cunha, consultora, pesquisadora e gestora cultural, Especialista em Planejamento e Gestão e Mestre em Educação.


Saiba mais
Saiba mais Maria Helena Cunha

EAD INSPIRE - ESCOLA DE GESTÃO E CULTURA

A EAD Inspire Escola de Gestão e Cultura tem como suporte metodológico a educação a distância (EAD), partindo do princípio que a formação atual deve ser construída por meio da aprendizagem colaborativa, do compartilhamento do conhecimento, da ampliação do acesso à educação e do rompimento das fronteiras territoriais. Vem como resultado de uma longa trajetória construída a partir de uma importante rede de parceiros dando sequência ao programa de formação continuada em política e gestão cultural e as várias áreas que estruturam esse campo profissional.


Saiba mais
Acesse a plataforma

INSPIRE BIBLIOTECA VIRTUAL

Inaugurada em 2017, a nossa Biblioteca Virtual disponibiliza gratuitamente textos, sites e vídeos de reconhecida qualidade conceitual na área de gestāo, políticas culturais e temas correlatos. Esta é uma biblioteca especializada, cujo conteúdo temático é voltado para a formaçāo e qualificaçāo profissionais e, assim como a cultura, está em permanente processo de atualizaçāo.


Entre e cadastre-se

GESTÃO DE ESPAÇOS E GRUPOS CULTURAIS COM CHICO PELÚCIO

Os espaços culturais têm um papel fundamental na vida do seu território. Eles promovem a cidadania, a criatividade, o encontro com a arte, a sociabilidade e a convivência saudável entre as pessoas. São fundamentais na constituição da identidade da comunidade onde atuam. Este curso apresentará algumas questões sobre os caminhos, as tendências e as visões sobre a gestão dos espaços culturais na atualidade. Há desafios concretos na gestão destes espaços, na forma como conduzem seus processos de curadoria e mantém um diálogo constante com a comunidade onde estão inseridos, os dilemas do projeto educativo e do que priorizar na política de atendimento. Isto nos leva a considerar a necessidade de reordenação da lógica de funcionamento do setor e a complexidade das relações profissionais.


GESTÃO DE ESPAÇOS E GRUPOS CULTURAIS